Slide to Read [#4] – “Pôr a internet a trabalhar por ti”

Abr 18, 2013 Sem Comentários by

Bem vindo ao Slide to Read, onde podes encontrar as melhores apps e dicas para aproveitar o máximo do teu smartphone ou tablet e para pôr os gadgets ao teu serviço. Nesta edição do S2R vamos abordar um site que funciona como os bastidores da tua vida online, e te abre uma série de possibilidades de articular os teus serviços.

Nos dias de hoje, todos temos uma conta no Facebook. Em termos de redes sociais, incluem-se o Twitter,TumblrFoursquareInstagramLinkedIn, e até o LastFM. Por outro lado, recorremos a serviços como a DropboxGmailGoogle CalendarGoogle DriveYouTubeEvernote, entre muitíssimos outros. Cada um destes serviços tem os seus pontos fortes e torna-se indispensável para nós; no entanto, como cada uma das plataformas é detida por uma empresa diferente, a articulação entre serviços é algo em que os seus autores estão pouco interessados ou objectivamente avessos a investir.

Redes sociais como o Facebook e o Twitter, que competem pelo mesmo público-alvo, tendem a impedir os seus utilizadores de encadear as suas publicações (ex.: qualquer tweet ser automaticamente partilhado como uma actualização de estado no Facebook, uma opção a que novos utilizadores já não podem aderir). Do mesmo modo, plataformas de armazenamento online como a Dropbox e a Google Drive estarão muito receptivas a articular-se com outros serviços, desde que estes não lhes roubem a clientela. No entanto, todas estas plataformas partilham uma característica: providenciam acesso públicos às suas APIs (application programming interfaces), de modo a que outras aplicações se possam articular consigo. É aqui que entra o IFTTT.

Baseado na premissa básica da programação por código nos computadores “IF THIS THEN THAT” em que o programador ensina ao programa que um determinado acontecimento-gatilho dispara uma reação, o IFTTT ajuda-nos a construir pontes automatizadas entre os serviços online que já possuímos, para facilitar a nossa vida.

Estas “pontes” designam-se recipes (palavra inglesa para “receita”) e incluem sempre um ingrediente-gatilho e um ingrediente-reacção. Há mais de sessenta canais (que podes encontrar listados aqui e vais surpreender-te com a quantidade de canais que já usas atualmente) que ativas clicando num botão e fazendo login no serviço correspondente.

Por exemplo: para aqueles que não sabem, o Facebook comprou o Instagram. Pouco tempo depois, o Twitter — como eterno némesis do grande azul — removeu os privilégios da popular aplicação de partilha de fotografias, e não inclui as fotos diretas nos tweets dos utilizadores, apenas o link para a fotografia.

Uma receita do IFTTT resolve o problema: se o utilizador incluir a hashtag #twitter na descrição de uma fotografia do Instagram (sendo este o evento-gatilho), o IFTTT encarrega-se de incluir a fotografia no tweet se o utilizador a partilhar para o Twitter (e este é o evento-reacção), em vez de partilhar apenas o link.

Outros exemplos de receitas são mais práticos: quando fazes check-in num local no Foursquare, o IFTTT cria um evento no teu calendário do Google com a hora e nome do local, para que o possas recapitular mais facilmente. Ou: sempre que recebes um email de um destinatário específico, cria-se uma nova nota com uma cópia desse email no Evernote.

Tendo em conta que as acções possíveis em cada serviço são imensas (por exemplo, no Facebook, os estímulos podem ser “nova foto de perfil”, “nova actualização de estado só com texto”, “nova foto de amigos em que eu sou marcado”), as possibilidades de receitas são infinitas, porque além de poderes activar qualquer uma das mais de 88,000 receitas criadas pelos utilizadores do IFTTT, tens toda a liberdade para criar novas receitas, que partilhas publicamente se quiseres! 

Eu já me entretive a criar um par de receitas (incluindo a do Foursquare), e uso mais de uma dezena delas, como podes ver abaixo:

Exemplos de receitas no serviço IFTTT

Exemplos de receitas no serviço IFTTT

Exemplos de receitas no serviço IFTTT

Exemplos de receitas no serviço IFTTT

De novo, espreita os serviços disponiveis no IFTTT aqui e diz-nos que receitas usas, ou que receitas vais criar! (Pista: podes configurar receitas que importem as tuas fotos do Instagram diretamente para a Dropbox, ou manter um diário dos teus posts do Facebook numa nota do Evernote.

Tens mais sugestões? Deixa-as nos comentários abaixo, envia-as para joao.td.espalhafactos@gmail.com ou partilha este artigo no Twitter com a hashtag #S2R!

Destaques, Opinião, Slide to Read, Tecnologia, TV & Media

Sobre o autor

A minha vida divide-se entre psicologia (curso que estou a terminar), tecnologia (vivo de smartphone numa mão e tablet na outra), escrita e humor. Tenho a personalidade de um Furby ligado a uma bateria de automóvel, e gosto muito do que faço. Sou "o geek de serviço".
Sem comentários a “Slide to Read [#4] – “Pôr a internet a trabalhar por ti””

Deixe um comentário